Sejam bem vindos ao RPG via Fórum, onde pretendemos reunir jogadores, curiosos e interessados nesse grandioso mundo que é o RPG

Conectar-se

Esqueci minha senha



Parceiros
Fórum grátis

Últimos assuntos
» Chat - BatePapo - Descontração
28/10/16, 08:53 am por Fake

» [RPG] Terra devastada(Survival Z)
09/08/16, 05:42 pm por Felype Dias

» [RPG] UNIVERSOS
31/05/16, 03:45 pm por Grifen

» [UNIVERSOS] Ficha e Instruções
31/05/16, 03:37 pm por Grifen

» [RPG] Caminho Das Chaves
17/03/16, 02:29 pm por LíderDosLíderes

» [Database] Caminho das Chaves
16/02/16, 05:32 pm por LíderDosLíderes

» [RPG] Turno da Noite (Solo)
05/11/15, 06:42 pm por OJPSampaio

» [RPG] Mundo Aberto – Vampires à Paris
28/06/15, 08:29 pm por RPGista

» Peste Negra em Sevilla: Fichas e Informações do Cenário
26/06/15, 04:50 pm por RPGista


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

[RPG] Pena Capital (Solo)

Ir à página : Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 2 de 2]

31 Re: [RPG] Pena Capital (Solo) em 05/10/14, 10:40 pm

Evaä

avatar
Postador Iniciante
Postador Iniciante


▬ Edward Herr Von Ulrich ▬


Sexta-feira, 13 de maio de 2011, fim da manhã
Último saldo:
€ 27.000,00 (--)
Em mãos:
€ 150,00 (--)


O homem permaneceu calado por alguns torturantes segundos, apenas encarando Edward com seu olhar tenebroso. Ele não exibiu qualquer traço de emoção ou reação direta a postura do jovem Ulrich. Rompendo o silêncio com sua voz cavernosa, ele ignorou quaisquer apresentações.

▬ Tenho um dever para você, Von Ulrich. ▬
Proferiu ele.

Neste momento a figura sem nome abriu seu sobretudo e tirou um envelope de papel preto lá de dentro. Durante toda a ação, seus olhos nunca deixaram de estar completamente focados em Edward, inertes, sem sequer piscar.

▬ Preciso que você traga um certo indivíduo até mim. ▬
Disse ele, checando o conteúdo do interior do envelope. ▬ Seria ótimo se ele chegasse vivo, senão você teria apenas mais trabalho a fazer. ▬ Acrescentou, com o mesmo tom cansado e impassível de antes.

O homem de preto estendeu a mão com o envelope para Edward e ficou esperando uma reação do alemão. Não falou mais nada sobre o pedido absurdo que fizera e nem se deu o trabalho de explicar sua mera presença. A sua outra mão ainda repousava no bolso, enquanto ele o fitava com um semblante sério e sem vida.

Ver perfil do usuário

32 Re: [RPG] Pena Capital (Solo) em 16/10/14, 02:02 pm


Edward Herr Von Ulrich

Não havia gostado de maneira nenhuma do homem, ou seja lá o que aquele indivíduo era, não se apresentar. Não gostava do fato do homem estar em vantagem sobre ele. Afinal, conhecer as pessoas era uma ótimo meio para conseguir informações sobre elas.

Seus olhos percorreram a mão do homem, enquanto ele estendia o envelope para ele. Por alguns segundos, ficou apenas encarando tudo aquilo, deixando que a mão do homem ficasse estendida ao vento.

- Porque eu faria isso? - Perguntou, sem pegar o envelope. - Não me lembro de ter começado a trabalhar para a FedEx.

Apesar de tudo, claramente havia uma hesitação da parte de Ed para com aquele sujeito. Mas de forma alguma, deixaria que ele o intimidasse.

- Vamos fazer diferente. Me diga o seu nome, e o que eu ganho com isso e assim, facilitamos as coisas. - Falou Ed novamente, ainda sem pegar o envelope. - Se não, podemos simplesmente ignorar o que está acontecendo aqui e cada um seguir com suas vidas. - Disse, apesar de no fundo, saber que isso seria impossível..

Ver perfil do usuário http://rpgviaforum.foruns.com.pt

33 Re: [RPG] Pena Capital (Solo) em 26/10/14, 09:32 pm

Evaä

avatar
Postador Iniciante
Postador Iniciante


▬ Edward Herr Von Ulrich ▬


Sexta-feira, 13 de maio de 2011, fim da manhã
Último saldo:
€ 27.000,00 (--)
Em mãos:
€ 150,00 (--)


O homem soltou um breve suspiro com a resposta de Edward e balançou vagarosamente a cabeça para os lados. A sua mão com o envelope continuava estendida na direção do alemão, esperando que esse o pegasse. Fora o descontentamento, aquele indivíduo não esboçava mais nenhum tipo de emoção ou hesitação, e foi assim que deu mais um passo na direção de Edward.

▬ Diz isso como se soubesse o que é a sua “vida” agora, von Ulrich. ▬
Proferiu sério ▬ Bem, pelo menos acredito que você não deseje isso para nenhum de seus... amados, não é mesmo? ▬ Indagou retoricamente.

O homem ficou calado por alguns segundos. Pela primeira vez ele desviou o olhar de Edward, fitando o vazio da calçada para onde Monika e Alda foram. Logo que voltou a olhar para o jovem Ulrich, ele se pôs a falar novamente.

▬ Hm. Como você acha que Maurice lidaria com sua nova... “vida”?  ▬
Perguntou, novamente sem esperar por resposta. ▬ Eles está quase lá. ▬ Disse. ▬ Provavelmente muito melhor do que uma menininha adolescente protegida pelo irmão, devo dizer. ▬ Concluiu ele, empurrando o envelope no peito de Edward.

Aquele obscuro sujeito havia cruzado limites assustadores. Ele aparentava saber coisas preciosas e sua fala carente de traços emotivos e sempre séria, somada a sua voz grotesca, mórbida, tornavam suas claras ameaças ainda mais tenebrosas. Por fim, ele largou o envelope no chão e deu um passo para trás.

▬ Vamos fazer diferente. ▬
Disse ele. ▬ Você cumpre seu dever e eles... Eles podem seguir cada um com suas “vidas” ▬ Terminou, colocando as mãos nos bolsos e voltando ao silêncio.

Ver perfil do usuário

34 Re: [RPG] Pena Capital (Solo) em 08/11/14, 01:52 pm


Edward Herr Von Ulrich

A conversa poderia ter sido boa. O homem poderia ter levado tudo por um caminho melhor. Mas não. Este escolhera o pior caminho que alguém que não estava na pele de Ed poderia escolher.

O sangue que corria nas veias de Ed começou a borbulhar assim que o homem tocara no nome de Maurice. A quanto tempo não tinha notícias de Maurice? Havia se preocupado tanto com sua irmã, que havia deixado de lado seu melhor amigo. Ele havia sido ferido. Acreditava que Elise o havia salvado e não havia procurado mais saber mais dele. Que tipo de amigo era hein. Um merda, para dizer o mínimo. E agora as palavras daquele homem davam a entender que ele estava nas mãos das mesmas pessoas que o transformaram no ser bizarro que era agora.

As palavras que saíam da boca do homem eram como flechas venenosas no corpo de Ed. A cada nova palavra, sua raiva aumentava. Tanto de si, quanto daquela figura a sua frente. Sentia que a cada minuto as mais ali, logo cravaria suas unhas na sua mão, de tanto que havia fechado o punho, mesmo que involuntariamente no início.

E então, como jogar uma faísca em um barril de pólvora escutou o homem dizer "Você cumpre seu dever e eles.. Eles podem seguir cada um com suas vidas". A partir dali, todos seus movimentos foram movidos por raiva. Instintivos. Não estava se preocupando com mais nada. A não ser descontar tudo no homem.

Mirou o primeiro soco na boca do estômago. Os seguintes, ficariam ao encargo de sua raiva. Bateria o máximo e onde mais quisesse. Este homem havia cruzado uma barreira e agora ele sofreria as consequências.

OFF: Me perdoee pela enorme demora. Mas esse final de mês foi bem corrido pra mim. Tive que resolver alguns problemas e o trabalho me deixou bem cansado. Me desculpe mesmo.

Ver perfil do usuário http://rpgviaforum.foruns.com.pt

35 Re: [RPG] Pena Capital (Solo) em 15/11/14, 04:00 pm

Evaä

avatar
Postador Iniciante
Postador Iniciante


▬ Edward Herr Von Ulrich ▬


Sexta-feira, 13 de maio de 2011, fim da manhã
Último saldo:
€ 27.000,00 (--)
Em mãos:
€ 150,00 (--)


O primeiro soco atingiu o esquelético homem exatamente onde Edward queria. Contudo, o efeito do golpe, principalmente em um corpo tão aparentemente frágil como aquele, não retornara um resultado sequer perto do esperado. Edward, porém, absorto em raiva, não teria tempo para notar a traição de seu próprio corpo.

A cada soco Edward parecia receber de volta um impacto homogêneo por todo seu corpo sem vida. A sensação de falta de ar foi a primeira coisa a ser notada, mas logo fora seguida por uma forte câimbra que atingiu seus braços e pernas. A postura de von Ulrich fora se desfazendo aos poucos, conforme seus membros pareciam pesar toneladas, até que seus joelhos dobrassem por completo, levando- ao chão.

O alemão talvez tenha conseguido desferir quatro ou cinco golpes, que exponencialmente se tornavam mais fracos e ineficientes um após o outro. As extremidades de seu corpo agora formigavam vigorosamente e ele não tinha mais forças para se manter de pé. O sujeito, por sua vez, recompôs-se sem aparentes ferimentos e andou na direção de seu fracassado agressor. Com a sola do pé direito ele empurro o corpo de Edwardn o chão, fazendo-o cair deitado. Naquele momento era possível ver seu rosto inexpressivo e, de relance, Ed acreditou ter visto um cintilar verde, muito escuro, vindo dos olhos, da tatuagem e do bizarro cordão do indivíduo.

▬ Controle-se, criatura. Ou o farei por você. Como um domador deve fazer com sua besta ▬
Disse ele, com a rouquidão tétrica de sua voz. ▬ Os detalhes estão todos ai dentro, von Ulrich. ▬ Acrescentou, virando-se de costas.

Enfim o homem seguiu caminho em passos lentos na direção oposta, deixando Edward e o envelope largados no chão. Aos poucos os recentes sintomas do alemão foram sumindo e seu vigor sobrenatural retornando ao “normal”. Edward havia encontrado uma força tão bruta capaz de parar, em questões de segundos, a truculência de sua raiva bestial e seus novos instintos bárbaros. Quando já se sentia capaz de ficar de pé, ainda era possível ver o homem andando vagarosamente nas desertas calçadas de Frankfurt, distanciando-se do hotel.

Ver perfil do usuário

36 Re: [RPG] Pena Capital (Solo) em 24/11/14, 09:19 am


Edward Herr Von Ulrich
Era realemente inacreditável. Não podia e não queria acreditar naquilo que estava acontecendo. A cada soco, a cada golpe desferido sua raiva só aumentava. Diferente da potência dos seus golpes, que claramente faziam o caminho inverso. Que merda era aquela?

Quando seu corpo desabou ao chão, até respirar ainda era algo difícil de se fazer. Não sabia como havia chegado até tal ponto, mas estava incrédulo com o que havia acontecido. Mas algo que aquele homem havia dito fazia sentido. Tinha que se controlar. Quantas pessoas naquele momento não devia estar olhando toda aquela situação.

Quando finalmente se levantou, parcialmente recomposto, ainda conseguiu ver as costas do homem. Como desejou ter uma arma naquele momento. Queria testar todas as capacidades dele. Queria saber o quão superior a ele aquele homem era. Mas infelizmente essa seria uma questão que ficaria para outra hora. Agora tinha outras prioridades.

Caminhou em direção a onde estavam Monika e sua irmã. Tinha que botar seu plano em prática o mais rápido possível.

- Precisamos conversar. - Falou, em tom sério assim que se sentou na mesa com as duas, ignorando qualquer reclamação. - Preciso te tirar do país. - Falou, olhando para Alda. - Essa situação que me encontro, parece estar ficando pior. Não sei até que ponto pode chegar e estou com medo que chegue até você. - Olhou para rapidamente para Monika. - Acredito que eu ainda tenha alguns contatos nas ruas para te conseguir uma identidade nova e passagens para longe daqui. Farei isso o mais rápido possível. - Finalmente fitou a Monika diretamente. - E você, se tiver alguém de confiança que possa nos ajudar nessa questão, eu agradeceria.

Seus ombros estavam pesados. A tensão de tudo que estava acontecendo o fazia agir rápido. Tiraria sua irmã do país e agora, se dedicaria a resgatar seu amigo Maurice. Mas não antes, de ver o que havia dentro do envelope. Mas isso o faria mais tarde. Precisava comer algo. Não sabia quando teria outra oportunidade a partir de agora que as coisas deveriam ficar agitadas pra ele.


OFF: Me desculpe se ultrapassei os limites ao presumir que ED deveria ter contatos nas ruas. Mas pensei nisso devido ao seu passado com esses tipos de pessoas, mas se não houver essa possibilidade, e quiser que eu reescreva, só dar um toque.

Ver perfil do usuário http://rpgviaforum.foruns.com.pt

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 2 de 2]

Ir à página : Anterior  1, 2

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum